marketing-de-busca-mzclick

Para o site de sua empresa alcançar o sucesso e reconhecimento online é fundamental que ele esteja bem posicionado nas buscas do Google e Bing. Segundo dados recentes do Ibope, o Brasil possui 105 milhões de internautas, sendo que em 2012 mais de 50 milhões de usuários acessavam a internet em busca de informações, notícias, produtos e serviços de seu interesse.

A partir de tais informações fica explícito que é fundamental seu negócio aparecer na internet. Vale a máxima de quem não é visto não é lembrado! Para que seu site tenha visibilidade nesse universo riquíssimo de informações é preciso investir em marketing digital.

Mas qual a melhor estratégia para a sua empresa: investimento no trabalho de otimização (SEO) ou foco em campanhas de links patrocinados (Google AdWords, por exemplo) para se posicionar nas primeiras colocações das pesquisas e conquistar a atenção dos clientes?

Otimização (SEO)

Pontos positivos

As primeiras posições das pesquisas são tão cobiçadas porque os sites que aparecem nelas ganham maior visibilidade e geram consequentemente maior credibilidade. Dessa forma, a tendência é que eles sejam clicados imediatamente pelo internauta, tornando-se, em pouco tempo, referência para o público que está em busca de seus produtos e serviços.

Pontos negativos

O Google está cada vez mais rigoroso no quesito: critérios de busca. A prioridade é indexar primeiramente os sites que apresentam conteúdo sempre atualizado e relevante. A exigência visa garantir pesquisas mais eficientes para os internautas. Portanto, para aparecer nos primeiros lugares das buscas é preciso apresentar informação de interesse e ser reconhecido por isso.

Com essa mudança de critérios, a otimização de sites tornou-se mais trabalhosa e complexa, exigindo profissionais especializados nas áreas de programação e design, além de SEO e marketing de conteúdo. O resultado é um trabalho que exige investimento maior.

É importante ressaltar ainda, que o resultado do SEO não é imediato, além de exigir constante aprimoramento e atualização, pois dependem da indexação do Google. Mudanças de critério de relevância podem derrubar o posicionamento de um site repentinamente.

Links patrocinados

Pontos positivos

Para quem deseja ter retorno rápido através da publicidade online essa é a melhor opção. É possível conseguir resultados mesmo com uma campanha de baixo orçamento. Na comparação com propaganda em jornais, rádio e TV, é uma das que exige menor investimento.

A grande vantagem é que, por meio dos links patrocinados a empresa poderá aproveitar o famoso tráfego qualificado para traçar uma estratégia eficaz de captação, segmentando o seu público e atingindo de forma certeira os seus clientes em potencial.

Pontos negativos

Se sua marca precisa enfrentar uma ampla concorrência, o investimento em campanhas baseadas na compra de cliques em determinadas palavras-chave torna-se muito alto, fazendo com que as campanhas de links patrocinados sejam inviáveis para empresas que não possuem um orçamento adequado a sua realidade.

Outro detalhe é que as campanhas devem ser acompanhadas periodicamente, de modo a medir o retorno dos anúncios, para que a empresa não perca o controle dos custos.

Em qual dos dois investir?

A resposta é simples: os dois. Para aparecer rapidamente nas pesquisas você pode investir em links patrocinados e obter resultados em pouco tempo enquanto o site é otimizado!

Quando o site alcançar uma visibilidade maior, a empresa já terá adquirido credibilidade entre os internautas e poderá direcionar parte do orçamento do Google para outras ações de marketing digital. Se surgir uma nova regra que derrube os antigos critérios de busca, é possível investir na campanha de links e manter o posicionamento nas pesquisas.

Essas ações precisam ser planejadas com o máximo de antecedência, pois cada segmento de negócio possui suas características particulares e devem ser adequadas ao que os consumidores buscam na internet.