tempo-exponencial

Um conceito me chamou bastante atenção: tempo é dinheiro x tempo é conhecimento. Um debate interessante, sem dúvida, que nos faz refletir sobre a importância em aprofundar nosso conhecimento, pois este é capaz de levá-lo diretamente ou indiretamente ao dinheiro. Contudo, quero levantar alguns pontos interessantes sobre o tema e como as pessoas utilizam seu tempo.

Vivemos um tempo incrível quando pensamos em produtividade, porém, as várias ferramentas existentes que deveriam nos dar tempo de sobra, acabam roubando essa preciosidade.

O problema não é a ferramenta em si, e sim como a pessoa faz a gestão do seu tempo livre originado por essas ferramentas.

Talvez, até esse ponto do texto, sua rede social favorita já te chamou! Se você foi até lá para espiar, acabou de presenciar o problema principal: distração irrelevante. Desculpe se a sua foi relevante! ;)

Conquistar conhecimento e compartilhá-lo é a chave do sucesso de qualquer civilização, portanto gostaria que respondesse essa pergunta: O que exatamente você conhece e compartilha?

“Ahhhh! A vida precisa de diversão.” Lógico que sim, mas acima de tudo, buscar o equilíbrio é fundamental. Uma dica: Você não tem 200 amigos! Veja esse vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=5AyfZFfLel0

O problema, como disse, não são as ferramentas (como por exemplo, o Facebook, citado no vídeo) e sim como as pessoas a fazem uso delas.

Durante uma palestra para estudantes da Universidade de Boston em 2012, Eric Schmidt disse a seguinte frase: “Já pensou em se desconectar 1 hora por dia?”

Foi por isso que criei um site para explicar o impacto disso em sua vida! Conheça: http://www.voceoff.com.br/ – Aproveite para expressar-se, criar conexões reais, compartilhar ideias, fazer um esporte, pois isso te dará 15 dias a mais de vida por ano!

Temos ferramentas que deveriam nos ajudar a ter um tempo livre enorme e um paradoxo ocorre, quanto mais tempo temos, menos usamos com qualidade.

As pessoas deveriam utilizar o ócio para criar (de forma equilibrada), para compartilhar informações relevantes, mas essa possibilidade tem sucumbido a necessidade de engolir tanta informação inútil e tornar-se feliz por curtidas em suas fotos, que estamos perdendo a noção do que realmente importa. Tempo é vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *