E-commerce e M-commerce - O Crescimento das Compras Online

As compras online através dos e-commerces e mobile commerces têm se tornado, cada vez mais, parte do cotidiano dos brasileiros. Devido a isso, muitas empresas e empreendedores têm estendido suas ações para o meio digital, através das lojas virtuais.

Nesse artigo, analisaremos o cenário atual das vendas online no Brasil, entenderemos qual a expectativa das empresas para esse ano, e como tem sido o processo de compra dos consumidores (o caminho percorrido até finalizar a compra).

Resultados do e-commerce 2015 e expectativas para 2016

De acordo com a segunda edição da pesquisa Mercado Livre e Ibope Conecta, realizada em janeiro de 2016, onde 529 empreendedores de MPEMs (micros, pequenas e médias empresas) e de e-commerces foram entrevistados, 81% obtiveram resultados nas vendas acima do esperado, e além disso, um aumento médio nas vendas de 45%.

Dos entrevistados:

  • 73% multinacionais ? Vendem os produtos no seu site, marketplaces e lojas físicas.
  • 27% ? Vendem apenas via Mercado Livre.

Os empreendedores se mantém otimistas para esse ano de 2016. 80% dos entrevistados, em média, acreditam que terão um crescimento das vendas (via loja física e e-commerces) em torno de 30%. Os outros 20% dos entrevistados não acreditam no aumento das vendas nesse período, e como justificativa para esse pessimismo, listam: a política econômica do país, situação financeira atual motivada pela crise e aumento dos impostos.

A Influência do Mobile nas vendas do E-commerce

Que as compras via internet são um sucesso, todos já sabem. O que talvez seja novidade, é a velocidade que o m-commerce (mobile commerce) tem ganhado força.
Cada vez mais brasileiros têm realizado compras através de dispositivos móveis, contudo, muitos ainda relutam, devido a preocupação com a segurança dos seus dados pessoais e bancários, entretanto, esse cenário tem mudado gradativamente.

Veja abaixo, alguns dados da pesquisa “Cenário do M-commerce – State of Mobile Commerce”, realizada no 4º trimestre de 2015 pela Criteo,

  • 19% das transações foram realizadas através do mobile commerce.
  • 81% das transações do m-commerce foram realizadas através de smartphones, e 19% através de tablets.Smartphone X Tablet
  • 52% das transações foram realizadas através do cross-device (utilização de diversos devices até a decisão e realização da compra).Cross-device
  • Aplicativos móveis geram mais transações que os sites móveis.app-x-device
  • Os apps geram mais receita por transação que os navegadores móveis e desktops.

Visão Geral:

O m-commerce tem crescido incrivelmente nos últimos tempos, e a tendência é que esse desenvolvimento continue. Atualmente, as pesquisas no Google através de dispositivos móveis já superam o desktop. Em um futuro muito próximo, o mesmo ocorrerá com as compras online.

Observamos que no processo de compra, o usuário tende a realizar a pesquisa através de diversos dispositivos (cross-device), até decidir concluir a compra. Devido a isso, as empresas que buscam aumentar as vendas nos meio digitais precisam garantir que ele consiga realizar sua compra a partir de qualquer dispositivo.

Veja abaixo alguns insights para sua empresa:

Sua empresa já tem um e-commerce? Se não, considere essa possibilidade. Como pudemos ver nesse artigo, as compras online têm crescido e esse cenário tende a ser contínuo.

Se você tem um e-commerce, precisa garantir que seus produtos possam ser encontrados e adquiridos através de qualquer dispositivo. Cada vez mais, o mobile commerce está ganhando espaço, por isso, não perca vendas por não ter um e-commerce otimizado para dispositivos móveis.

Garanta uma boa experiência para o usuário. Um e-commerce bem organizado, com um atendimento personalizado, certamente ajudará aumentar suas vendas.

Invista em aplicativos para dispositivos móveis: eles são mais rápidos que os navegadores, e é possível personalizá-los de forma a garantir uma melhor experiência para quem o acessa. De acordo com os dados acima, ele gera mais conversões e mais receita por transação.

Quer saber mais sobre mobile commerce? Confira os artigos: O que será do m-commerce em 2016? e M-commerce – Mobile Commerce.
[rev_slider cta-planejamento]

quanto-custa-marketing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *