Tipos de Estratégias de Retargeting (Remarketing)

Para favorecer a experiência do seu usuário e aumentar suas chances de venda, o trabalho de envolvimento do cliente com o produto ou serviço é contínuo e deve acontecer em múltiplas plataformas, canais e dispositivos, de maneira consistente. O retargeting é uma ferramenta muito eficaz nesse tipo de persuasão, se utilizada de maneira correta. Quando usado de maneira errada, pode te fazer pecar pelo excesso, correndo o risco de saturar o público, fazendo jus ao pensamento de que “tudo o que é demais sobra”.

A falta de conhecimento sobre a ferramenta e todas suas possíveis segmentações são, na maior parte das vezes, o motivo para o fracasso desse tipo de campanha. Afinal as campanhas de retargeting procuram sempre “relembrar” o cliente sobre o produto, serviço e performance oferecidos pela sua empresa.

Estratégias e Segmentações de Retargeting

Buyer Persona

Segmentando através da sua buyer persona, você adquire um tráfego muito mais qualificado. Para esse tipo de segmentação – que visa qualidade e não quantidade em si – o perfil da sua persona deve estar descrito de uma maneira precisa e fidedigna, e nunca baseada em suposições feitas para criar anúncios que condizem com o perfil de consumidor que você gostaria de alcançar.

[Saiba mais detalhes sobre o que são Buyer Personas]

Engajamento

Esse tipo de segmentação é vista em peças rich media, vídeos e jogos de redes sociais que entregam conteúdo personalizado e alinhado com o nível da ação de engajamento do usuário, ao incentivá-lo a voltar a usar um aplicativo baixado anteriormente, por exemplo.

Visitantes pelo nível no funil de vendas

• Topo do funil (ToFu): É aqui que normalmente é recebido a maior quantidade de sessões de usuários que ainda estão em fase de pesquisa, considerando então uma fase de aprendizado e descoberta. Eles visitam várias páginas de informações sobre determinado produto e ainda não estão efetivamente engajados com o ato da compra em si, ou seja, o retargeting para essa fase de compras deve despertar o interesse nesse potencial cliente. Logo, a campanha para essa persona deve ser clara e objetiva.

• Meio do funil (MoFu): Aqui encontram-se pessoas que visitam páginas relacionadas ao seu produto, mas estão apenas em um nível de consideração. As campanhas de retargeting para essa fase devem direcionar ofertas relevantes que incentivem o usuário a conhecer sua empresa.

• Fundo do funil (BoFu): Nessa fase concentram-se os usuários que visitam páginas relacionadas ao seu produto e que indicam estar em uma fase de decisão (por exemplo, consultando e comparando várias páginas de preço). As campanhas de retargeting nesse nível devem enviar os visitantes para uma página de navegação de produtos relacionados, demonstração grátis, etc.

Dinâmico

O retargeting com anúncios dinâmicos apresenta Ads personalizados e específicos de cada produto, enquanto recomenda alguns itens adicionais com base no comportamento de navegação do usuário. É interessante usar anúncios responsivos para que suas dimensões se adequem de maneira adequada e automática ao canal exibido. Uma das plataformas que utiliza muito dessa estratégia é a Criteo.

[Leia o artigo Remarketing Google x Retargeting Facebook]

E-mail

Outra possibilidade é impactar mais uma vez as pessoas que tiveram algum tipo de interação com seu produto através de uma newsletter. É possível também partir de uma nova abordagem por meio de uma campanha cheia de novos acessórios e complementos para o produto recém adquirido, uma estratégia conhecida como “cross-selling”. Em ambos os casos, vale destacar que o segredo é uma boa segmentação, um texto bem construído e claro, não exagerar na dose fazendo diversos envios num espaço curto de tempo.

Como evitar os erros?

É preciso encontrar a linha tênue entre a agressividade e a passividade dos anúncios de retargeting para não causar uma má impressão da empresa para com os usuários.

– Segmentar assuntos relacionados com mensagens personalizadas para o público-alvo que está ativamente no processo de compra e não no processo de pesquisa;
– Remover targets da campanha para que não haja exibição de mensagens e anúncios para usuários que não tenham efetuado compras nos últimos 30 dias;

Muitas vezes, tudo o que seu cliente precisa para efetuar uma conversão é um empurrãozinho, e investir no potencial das campanhas de retargeting, pode te ajudar a ter resultados relevantes para sua empresa.

Precisando de auxílio para estabelecer as metas e administrar suas campanhas? Não hesite em entrar em contato conosco! Juntos podemos identificar as necessidades da sua empresa e planejar as melhores estratégias para o seu sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *