Como aumentar as visitas orgânicas de um e-commerce?

Design atrativo, navegação intuitiva, checkout simples… Esses são, de fato, fatores essenciais para a geração de vendas em lojas online. Porém, eles serão pouco efetivos se os internautas não encontrarem o seu e-commerce no Google.

Entrar nas primeiras posições das pesquisas no maior buscador da atualidade é uma das principais preocupações dos lojistas recém-chegados no comércio eletrônico. Mas, por onde começar? Como aumentar o tráfego da loja online e, naturalmente, elevar as taxas de conversão?

1- Abolindo ao conteúdo duplicado

Com as últimas atualizações dos algoritmos, o conteúdo ganhou peso significativo para a conquista de tráfego qualificado. E, embora o Google não faça punições radicais para quem duplica conteúdos com a autorização do autor, o ideal é produzir conteúdos exclusivos e bem informativos para atrair clientes em potencial.

2- Buscando ligações significativas

Além de exclusivo, o conteúdo da loja – seja textos ou vídeosprecisa ser divulgado em diretórios, blogs e outros sites. Essa é uma forma de conseguir ligações de links para fortalecer a autoridade da loja perante os mecanismos de busca e, consequentemente, ampliar as fontes de tráfego.

3- Nomeando produtos e categorias

A nomeação dos produtos e categorias dentro dos padrões de otimização contribuirão para melhores posições de ranqueamento. Logo, as visitas orgânicas ocorrerão com mais facilidade.

Para aproveitar esse fluxo de internautas no funil de conversão, é importante conectar essas visitas a landing pages com promoções, downloads de materiais informativos – e-books, por exemplo – ou cupons de desconto.

4- Otimizando imagens

Da mesma forma que os títulos dos produtos e das categorias são fatores chave para o ranqueamento, as imagens também são.

Por isso, no momento de fotografar as mercadorias, é crucial estar atento a questões como: qualidade da imagem, dimensões, apresentação do produto com detalhamento e fundo branco. Todos esses pontos são diferenciais tanto para o Google, quanto para os internautas que estão em busca do que seu e-commerce tem a oferecer.

5- “Socializando” o e-commerce

Em uma era onde as redes sociais são as protagonistas de interação da internet é fácil concluir que uma loja virtual deve vincular seu marketing ao Facebook e outras redes alinhadas ao seu perfil de negócio.

Além de levarem a publicidade do e-commerce para um grande número de clientes em potencial, as redes sociais podem funcionar como um canal alternativo de esclarecimento de dúvidas sobre a marca.

Vale frisar, por fim, que essas são apenas algumas das ações passíveis de implementação para aumentar o número de visitas em uma loja virtual. Evidentemente, outras táticas podem ser utilizadas, conforme a necessidade da empresa e seus objetivos de vendas.

Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos?

quanto-custa-marketing

2 opiniões sobre “Como aumentar as visitas orgânicas de um e-commerce?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *